De vez em quando aparece algum coachiado que me diz o seguinte: “meu relacionamento acabou do nada. Em momento algum percebi que meu ex estava se afastando. Por que eu não percebi isso? Como eu não vi que meu relacionamento estava se desfazendo na minha frente?”

Esses questionamentos tiram a paz, trazem um sentimento de culpa e de insegurança. Então, a primeira coisa que eu quero te dizer é: pare de se culpar.

Provavelmente, você não foi o único a cometer erros. Assim, você não é o único responsável pelos problemas que causaram o fim do relacionamento. Então coloque na sua cabeça que você não é o único culpado, pois se você cometeu um erro, é possível que a pessoa tenha cometido outro. Pare de minimizar o erro do outro e só se sinta culpado por aquilo que foi efetivamente sua culpa.

E o que fazer com esse sentimento de se sentir culpado por aquilo que foi efetivamente sua culpa? Se livrar dele. Perdoe-se. Enquanto você não se perdoar, você não vai conseguir tomar decisões coerentes nem ter um relacionamento saudável, porque tanto a culpa quanto a insegurança causada por ela, fazem te sentir menor do que o seu ex e a se submeter a certas coisas que, em condições normais, você não aceitaria. E é impossível ter um relacionamento saudável consigo mesmo e com o outro assim.

Se livrou do sentimento de culpa? Então agora vamos descobrir se a sua relação realmente acabou do nada ou se você apenas não percebeu que ela estava por um fio – e se foi isto que aconteceu, o porquê.

Será que o seu ex não deu sinais e o relacionamento acabou do nada?

Se você não percebeu que o seu ex estava se afastando de você, que as coisas entre vocês não estavam tão bem assim, há duas possibilidades.

A primeira é que ele é um bom mentiroso e soube disfarçar muito bem que não estava satisfeito com o relacionamento, de modo que não te deu qualquer sinal de que não estava feliz ao seu lado, e você ficou com a impressão de que o seu relacionamento acabou do nada.

Então, na cabeça dele, ele já sabia que não estava feliz, não te deixou saber desse fato e quando você perguntou se estava tudo bem, ele simplesmente respondeu que sim, quando poderia ter conversado contigo e tentado resolver, juntos, o que não o agradava.

Este é um comportamento imaturo e perigoso, já que se não existe comunicação entre o casal, a consequência é haver conflitos que geram sofrimento e, invariavelmente, a separação.

Ninguém acorda um dia e pensa: “hum, ontem eu amava meu parceiro, mas hoje eu não amo mais”. O amor vai acabando aos poucos e geralmente ele dá sinais disso: frieza no relacionamento, falta de atividade sexual, grandes conflitos por coisas bobas e até indiferença.

Se você viu esses sinais e mesmo assim achou que estava tudo bem porque o seu parceiro disse que estava tudo bem, você cometeu um equívoco muito grande. Não deixe que isso se repita. Abra os seus olhos e esteja atento a tudo que pode roubar a sua felicidade.

Quando você consegue enxergar os problemas, você pode solucioná-los logo e evitar que a situação se agrave.

Relacionamentos frios

Eu já falei da primeira hipótese, agora vou falar da segunda: há pessoas que vivem cotidianamente em um relacionamento frio. É o que eu chamo de amor indiferente, no qual não há aquele grande apego e companheirismo, cada um para um lado.

Esse é o tipo de relacionamento mais perigoso, porque você não tem como notar se há algo diferente, já que nunca houve muito chamego entre vocês. Não é possível saber que a pessoa está contigo porque te ama ou se está apenas acomodada, acostumada com você.

Até que um belo dia essa pessoa descobre que quer mais do que você está oferecendo, que quer se sentir viva, mais amada, que quer uma relação que ela vê em outros casais ou até encontra com outra pessoa que não é você. Quando ela tem esse despertar repentino, o relacionamento de vocês acaba, aparentemente, do nada.

Mas não é que relacionamento acabou do nada. Há muito tempo vocês já tinham esses problemas, mas estavam acostumados com eles e acomodados em suas respectivas zonas de conforto.

Portanto, tenha cuidado com esses relacionamentos frios. Lembre-se de que o oposto do amor não é o ódio: é a indiferença.

Se você notar que o seu relacionamento está esfriando e acha que está tudo bem mesmo assim, já que vocês nunca tiveram tanta frescura assim, acorde para a vida e comece a mudar de atitude.

Descubra por que seu relacionamento acabou

Se você tem a impressão de que relacionamento acabou do nada, para traçar uma estratégia de reconquista, é imprescindível que você descubra o porquê de ter acabado.

Será que do meio para o fim do relacionamento você ainda era aquela pessoa pela qual seu ex se apaixonou? Será que você se tornou alguém que ele não gostaria de se relacionar? Ao se colocar no lugar dele, você gostaria de se relacionar com essa pessoa que você se tornou? Responda essas perguntas.

A partir dessas respostas, você pode planejar o seu desenvolvimento pessoal e a sua reconquista.

Pacote da Reconquista

Conte conosco

Para te ajudar a caminhar pelo processo de reconquista, eu minha equipe estamos ao seu dispor.

Através de nossos métodos bastante eficazes, já ajudamos milhares de pessoas, nos mais diversos países espalhados pelo mundo, a se reconstruírem e a reconquistarem a pessoa amada, conforme você pode perceber ao ler os comentários e agradecimentos deixados por elas em nossas publicações.

Inscreva-se em nosso canal o YouTube e junte se as mais de 222 mil pessoas que têm acesso aos vídeos postados diariamente, cujos conteúdos consistem em dicas de desenvolvimento pessoal, reconquista e cuidados com o relacionamento.

E se você precisar de atendimento individual, temos o Coaching Personalizado, no qual alguém de minha equipe estará com você em cada passo, de cada etapa do processo de reconquista.

Me despeço com um beijo e te convido ao próximo post! Até mais.