Ele(a) está frio e distante. O que fazer quando seu EX se afasta?

Muitas vezes, depois de uma reconquista, a pessoa percebe que o parceiro está frio no relacionamento e parece distante. O que deu errado? ? Pior ainda, será que está pondo em risco tudo aquilo pelo que lutou durante a fase de reconquista? Por que o ex se afasta?

Muitas vezes, durante o processo de reconquista uma pessoa faz seu melhor para demonstrar o quanto mudou e como agora é a melhor opção para esse relacionamento. Mas, depois de conseguir o objetivo, depois da reconquista, muitos tendem a se acomodar, relaxar. Até que ponto isso pode ser perigoso? E como você pode estar alerta para não por a perder todo o processo anterior?

Neste artigo eu dou dicas específicas sobre o assunto. Você vai gostar! Leia até o  final, ok?

Reconquistar é um processo complexo. Afinal, lidamos com sentimentos e expectativas de outras pessoas. Essas expectativas criadas e confirmadas durante o processo de reconquista precisam ser sedimentadas e consolidadas.

Porém, alguns “erros” após a reconquista precisam ser evitados. O que fazer quando o ex se afasta?

Por exemplo: Durante o período de reconquista, a pessoa procurava sempre surpreender o parceiro. Sempre tinha uma coisa nova para alavancar o relacionamento. Então, agora que consegue reaver seu parceiro, volta à velha rotina!! Esse é um dos motivos! É um “balde de água fria” nas expectativas do parceiro. Ele apostava na “nova” pessoa que você lhe mostrou. E o que ele(a) agora vê é a velha rotina de sempre!

É preciso continuar surpreendendo. Propondo coisas novas para alterar a rotina do dia a dia. O relacionamento entrou em outro estágio. E seu parceiro espera isso.

Se você não se mexer, vai levar esse relacionamento com o tempo para o mesmo desfecho do anterior. Essa frigidez e afastamento de seu parceiro no momento, são sinais que ele(a) está dando de que algo precisa ser mudado.

Ou, pode ser outro erro.

O parceiro começa a ser sufocado. Geralmente, por insegurança, a pessoa começa com frases como: “Vc tá bem?”, “o que está acontecendo?”, “você quer conversar?”, “você está estranho(a)?”, “fiz alguma coisa errada?”…etc.

Bem, nesses casos, percebe-se que toda a segurança demonstrada durante o processo de reconquista, foi por água abaixo. Aquele pessoa confiante, determinada e positiva em que você se tornou durante a reconquista – e que se mostrou ser a melhor opção – agora é outra, insegura novamente.

Durante o processo de reconquista, um dos principais objetivos nossos é restaurar a autoconfiança e autoestima da pessoa envolvida. Como eu digo, primeiro é preciso reconquistar a si mesmo(a), para depois ser a melhor opção para o parceiro. Porém, esse não pode ser um processo de maquiagem. Não pode ser um teatro. Realmente a pessoa precisa mudar. Reconstruir a si mesma e readquirir a confiança e equilíbrio necessários.

Quer reconquistar o seu amor?

Fica então a pergunta que não quer calar na mente do parceiro: “Será que ele(a) mudou mesmo?” Ou será que tudo foi forjado para facilitar nossa reaproximação?

Em casos assim, a pessoa começa a cometer os mesmos erros que antes. E tudo aquilo que ela(e) remou para mudar e melhorar durante o processo de reconquista, agora está voltando à estaca zero.

Portanto, é fundamental lembrar que, é preciso continuar andando para frente. Não voltar aos erros do passado. 
É preciso continuar sendo a “melhor opção” para o relacionamento. Quando falamos em mudar e deixar para trás os erros cometidos anteriormente, falamos em fazer isso em definitivo. E muito mais ainda, depois de ter alcançado a reconquista desejada.

Ele(a) está frio e distante. O que fazer quando seu EX se afasta? – medidas a tomar

Sendo assim, algumas medidas, atitudes precisam ser encaradas. 

É preciso rever como está seu amor próprio. Muitas pessoas se sentem inseguras depois de atingirem certos objetivos. Ficam se perguntando se a reconquista será definitiva. Ficam se cobrando quanto ao que fazer para manter essa reconquista.

Certa medida de cobrança e prudência é sempre boa. Mas, é preciso cuidar para não ir para o campo da insegurança. E muito menos  para o campo da dependência emocional.

Quando isso é feito de maneira “escancarada”, a aparência que passa é de insegurança. E que você está desesperado(a) para manter esse relacionamento. (obs.: normalmente, quando isso acontece, todo o processo de reconquista é perdido e muitos relacionamentos voltam ao desgaste de antes).

Aí, vem as consequências: O ciúme possessivo. Um vem em consequência do outro. Ou seja, pessoa insegura tende a ser mais ciumenta. E as duas reações emocionais são extremamente negativas para o relacionamento. E, claro, levam à frigidez e distanciamento do parceiro reconquistado.

Um dos piores sentimentos nessa fase é o ciúme. Pois, o relacionamento está numa fase de sedimentação, afirmação. E tudo o que o casal não precisa é de um relacionamento ciumento, inseguro.

Portanto, cuidado com essas atitudes negativas. Elas vão colocar em xeque todo o esforço que você fez durante o processo de reconquista. E vão demonstrar que você não mudou. Continua inseguro, sem confiança. Não é  o parceiro promissor que se mostrou ser. Isso vai gerar mais frigidez, desconfiança e afastamento.

Outra medida a  tomar é  não ser preguiçoso(a).

Sim, deixar de se esforçar para surpreender! Lembre-se, durante a reconquista você sempre procurava surpreender quer em atitudes, palavras,  quer em ações. Agora, se a pessoa se acomoda, e não se esforça mais, esse comportamento vai levar, certamente, com o tempo à frigidez e afastamento. É um processo oposto. De decepção!

É bom lembrar que nessa fase, a decepção pesa muito mais. Pois agora, é uma decepção quanto a uma expectativa que era tida como certa. O  parceiro não espera mais ver de volta aquela pessoa de antes. Ela(e) imagina que vai conviver dali para frente com a nova pessoa que seu parceiro se mostrou durante a reconquista.

Assim sendo, na realidade, a reconquista é um processo contínuo. Dia a dia. Quando se tem esse conceito em mente, a pessoa estará sempre disposta a impressionar, surpreender. Não ceda à preguiça, ok?

Então, como eu sempre digo, não precisa trabalhar nesse processo sozinho(a).

Pacote da Reconquista

Pode sempre contar com minha ajuda e de minha equipe através do Coaching Personalizado. Inscreva-se também no nosso canal do YouTube!

Nosso acompanhamento é personalizado, discreto e confidencial. Encaramos cada situação, cada caso como ÚNICO.

Nossa experiência de muitos anos, pode ser útil tanto durante sua reconquista com depois.

Precisando, já sabe, conte comigo!

Um forte abraço,

Dyuly Cardoso

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe

Compartilhe esse artigo com seus amigos