Já ouviu: “quero encontrar minha metade da laranja, minha cara-metade, minha tampa da panela…” ou expressões similares?

Apesar de serem expressões comuns, será que são crenças que ajudam no desenvolvimento pessoal? Ou refletem alguma “crença limitante”, já incorporada ao “mindset” e,  que passou a reger a maneira de pensar e agir da pessoa?

Numa entrevista recente com a psicóloga Karina Tie, eu pude ajudar, através de um vídeo em meu canal/Youtube (12/fev/2020), a ressignificar crenças como essa.

Como disse acima, alguns clientes dizem: “eu preciso reconquistar essa pessoa, porque eu sei que ela é minha cara-metade e, simplesmente não consigo viver bem sem ela (e)”.

Mas quem disse que nós precisamos de uma “metade” para nos completar?

E, mais, quem disse que essa metade está em outra pessoa?

Entendendo que a metade da laranja é você!

Toda pessoa completa e feliz, realizada, aprendeu a conviver BEM consigo mesma, sua metade da laranja. Todos nós, temos a indispensável companhia de nós mesmos. Temos nosso “EU INTERIOR” para nos dar alertas, “insights”,  broncas ou ratificar pensamentos, sentimentos e ações.

O problema é que muitas, mas muitas pessoas mesmo, não aprenderam a dar o REAL valor a essa COMPANHIA.

Desprezam-na tanto que chegam a ignorar sua existência.

Quando estão sem a companhia de outro ser humano, ou um animal de estimação, dizem, quase automaticamente, que estão sozinhas (os). Esquecem de sua própria companhia. Inseparável companhia. Esquecem que ninguém, JAMAIS, está sozinho (a), realmente!

A falta de intimidade com seu “EU INTERIOR” faz essas pessoas sempre buscarem um complemento em outras pessoas.

É a tal “metade da laranja”.

Cuidado com as Crenças Limitantes!

Os que pensam assim, não assimilaram essa crença agora. Desde pequenos, aprenderam a fazer isso, geralmente com seus pais. No início a “metade” são os próprios pais.

À medida em que vão crescendo, vão procurando outras “metades” para se completarem.

E, na verdade, a outra metade está ali dentro! Dentro de cada um! Não é preciso buscar lá fora.

Muitas crenças limitantes contribuem para esse resultado ruim.

A crença de que nós temos uma “alma gêmea” e que somente depois de encontrá-la seremos completos e felizes. Essa crença, geralmente difundida por religiosos, limita a capacidade de uma pessoa crescer com sua companhia, apenas.

Ele sempre vai acreditar, que por mais que tente, sempre dependerá de outro para ser completo ou feliz.

Isso é LIMITANTE. E a dependência, principalmente, no campo sentimental ou amoroso, é EXTREMAMENTE prejudicial.

Uma pessoa dependente emocionalmente, representa uma “carga” extra muito grande sobre seu parceiro. Põe em seus ombros um peso enorme. O peso de ser responsável por metade de sua felicidade.

Ninguém consegue levar tal peso.

E, relacionamentos, onde há esse tipo de dependência emocional, são muito pesados, cansativos, cheios de cobrança e, por fim – instáveis, passageiros.

Há pessoas que, sequer, conseguem ir a um cinema ou restaurante sozinhas. Precisam dessa “metade” para tudo.

O que fazer se não consegue viver bem somente com sua companhia e se sente metade da laranja?

Bem, algumas pessoas conseguem se ajudar autodidaticamente. Aprendem a conviver com sua metade da laranja, seu “eu interior”, sem depender da ajuda de especialistas.

No entanto, muitas outras, necessitam de ajuda especializada. Psicólogos, terapeutas e coachs encaminham tais pessoas às respostas necessárias.

Uma ajuda em tais casos é essencial.

Ninguém pode ser feliz com um parceiro enquanto não tiver aprendido a ser feliz sozinha, em sua própria companhia.

Somente depois de resgatar essa autoestima perdida, sendo feliz a dois (ela e sua companhia), então, é que essa pessoa consegue compartilhar uma felicidade maior – com uma terceira pessoa – seu parceiro na vida.

Portanto, pare de procurar sua cara-metade, ou metade da laranja em outras pessoas. Olhe para dentro de si mesmo (a). ELA ESTÁ LÁ!

Conte conosco

Você precisa de mais informação sobre como lidar, como ser feliz e realizado consigo mesmo? Com sua metade da laranja?

Precisa saber mais sobre como agir e quais são as melhores estratégias para uma reconquista própria, de sucesso, caso seja sua decisão? Ou a reconquista de uma pessoa amada?

Já tem consciência de que a primeira reconquista e mais importante é de sua autoestima, seu autocontrole e de si mesmo (a)?

Tem estudado bastante sobre esse tema, reconquista, e já entende que pode seguir sozinho, ou precisa de mais ajuda?

Leia este artigo até o fim e tenha a ajuda de que precisa.

Como esse tema é muito interessante e motivo de muitas pesquisas, existe abundante informação à disposição. Ainda assim, nem todas atingem os objetivos almejados.

E, é claro, tentar aprender e executar sozinho(a) esse desafio, pode ser uma tarefa inglória. As incertezas durante o processo podem levar a pessoa a desistir ou tomar atitudes nada sensatas.

Daí, então, a necessidade de buscar ajuda de quem realmente entende do assunto e pode dar o melhor direcionamento visando os resultados esperados, e tendo uma experiência acumulada que avaliza todo esse esforço.

Por esse motivo, toda a equipe de reconquiste o amor foi treinada e após inúmeros clientes já atendidos e satisfeitos (nestes mais de dez anos), está preparada para dar o melhor suporte possível para você, visando ajudar em sua busca de reconquista ou de seu desenvolvimento pessoal.

Fornecemos diariamente informações GRATUITAS muito úteis em nosso Canal no Youtube através de vídeos, bem como em nosso site reconquisteoamor.com, assim como através de artigos práticos e direcionados para inúmeras situações ligadas ao tema.

Recupere seu ex clique aqui

Conte também com nosso coaching personalizado

Além de tudo isso, se precisar de ajuda personalizada, pode contar com nosso coaching personalizado.

Você terá acompanhamento individualizado, com total discrição e todo o profissionalismo de nossa equipe. Já estamos há mais de dez anos, em vários países, ajudando milhares de pessoas em seu desenvolvimento pessoal e reconquista.

Concluindo, eu sempre relembro em meus vídeos a nossos mais de 249 mil seguidores: “você não precisa travar essa batalha sozinho(a)”.

Os desafios podem ser enormes, mas juntos podemos alcançar os objetivos desejados. Com nossa ajuda, você poderá ser bem-sucedido em sua reconquista ou melhorar sua autoestima e seu desenvolvimento pessoal, descobrindo que pode se tornar a sua melhor versão!

Obrigada, um forte abraço e desde já te convido para o próximo post!