Você sabe o que é um RELACIONAMENTO? Claro que sim!, talvez esteja dizendo agora.

Taí uma pergunta que parece óbvia. E a resposta parece ser evidente. Mas, não é bem assim… Vamos aprofundar um pouco mais?

Muitas pessoas querem diferenciar relacionamentos:  de namoro, casamento, ou qualquer outro a dois … como se o rótulo desse relacionamento fosse o mais importante. Mas, nada verdade não é.

Vamos falar da essência do relacionamento. Das atitudes entre as partes. Da convivência, enfim.

Você sabe o que é um RELACIONAMENTO? – SUFOCANTE

Alguns relacionamentos são sufocantes. A atitude de uma das partes é tão dominadora, ditadora que tende a anular o outro. Esse tipo de relacionamento pode diminuir em muito a autoestima do parceiro. Por ser tóxico, em sentido emocional, principalmente, ele tende a levar a outra pessoa a se achar menor, sem espaço. 

Geralmente esse comportamento vem de pessoas que já viveram essa experiência com seus pais, ou aprenderam de sua cultura. De qualquer maneira, é um relacionamento a ser corrigido ou evitado, pois só vai levar a um desgaste a médio e longo prazo. E, a menos que a parte dominadora tenha uma mentalidade de mudança, e queira fazer isso, será muito pouco provável que esse relacionamento dure.

Você sabe o que é um RELACIONAMENTO? – SEM OBJETIVOS COMUNS

Esse tipo de relacionamento também é passageiro

Duas pessoas que querem estar juntas num projeto, mesmo sendo diferentes, precisam se esforçar em buscar os mesmos objetivos. 

Buscar ajustar suas diferenças é um primeiro passo. Todos nós somos diferentes, afinal. Mas, a boa disposição ao diálogo e à conciliação são fundamentais. Quando se percebe num parceiro essa disposição, isso é um combustível para se apostar nesse relacionamento.

Querer estar juntos é um primeiro passo. Mas, é preciso que tenham objetivos comuns. Se, essas pessoas estiverem trabalhando por objetivos diferentes, com o tempo isso ficará evidente e o desgaste da relação será inevitável. Mas, desde o início do relacionamento é preciso perceber se tais objetivos existem. E não permitir que os sentimentos ocultem os fatos.

Se esses objetivos não forem tão evidentes assim, é preciso dar um tempo até que o relacionamento fique mais maduro, mais sólido. E, se mesmo depois desse tempo esses objetivos comuns não se apresentarem, é porque essas duas pessoas até querem estar juntas, mas não conseguem se comportar como equipe, tendo metas semelhantes. Esse comportamento não vai produzir um “relacionamento” saudável e de longo prazo.

Por se falar de longo prazo, é muito importante também se avaliar se existem planos de longo prazo. Muitos casais têm apenas curtos planos, passageiros, “voo de galinha”. Isso indica que esse relacionamento não tende a se aprofundar. Tem muitos indícios de que é temporário e pode não valer a pena apostar tanto nele.

Portanto, ao se avaliar um relacionamento, além de se verificar o fator “querer estar junto”, também  é fundamental analisar os objetivos e por quanto tempo.

Recupere seu ex clique aqui

Você sabe o que é um RELACIONAMENTO? –  RELACIONAMENTO A SE  EVITAR

Além de analisarmos como identificar um relacionamento saudável, precisamos também identificar um tóxico.

Relacionamentos abusivos, com pessoas controladoras ou violentas são, definitivamente,  relacionamentos a se EVITAR. Essa pessoas dão sinais evidentes e claros. Basta prestar atenção a eles. Não fazer “vista grossa”.

Em todos os casos em que analisamos a convivência dentro desses relacionamentos a resposta foi sempre: Tinha que ter posto um ponto final há muito tempo! 

Uma pessoa abusiva e violenta, normalmente não consegue usar de empatia. Não aprendeu a ser assim. É sempre dona da verdade, seu argumento é o que deve prevalecer sempre. Principalmente não aceita ser contestada. Levanta a voz com grande facilidade e usa palavras ásperas frequentemente. Em alguns casos também é violenta fisicamente.

E é extremamente difícil perceber qualquer mudança de comportamento. Na maioria dos casos, quanto mais passa o tempo pior fica. Portanto, quem entra num relacionamento assim, precisa desde cedo, o quanto antes, sair dele. Não tem futuro. Nunca será um relacionamento saudável. Pelo contrário, será tóxico e vai fazer um enorme mal ao parceiro equilibrado.

Você sabe o que é um RELACIONAMENTO? –  A CONSERVAR

Um bom relacionamento, porém,  demanda equilíbrio das duas partes. Equilíbrio quanto ao uso do tempo. Tempo de qualidade a dois e sozinho.

Todos precisamos tirar tempo para cuidar da relação e de nós mesmos. E um bom relacionamento permite esse tempo. Um parceiro equilibrado sabe que o outro precisa de seu tempo, tempo de reflexão, tempo de “balanço”.  Esse tempo para se colocar os pensamentos em ordem, as prioridades, é fundamental para retomar a rotina do dia a dia com qualidade.

Também, o casal precisa de tempo a dois para namorar, reforçar seus sentimentos de casal, e não apenas de pai ou mãe, chefes de família, etc… Um relacionamento saudável deixa espaço para esse tempo de “ouro”. O casal sabe que é fundamental para uma vida longa e  estável em sentido sentimental. Quando se ignora esse tempo, a tendência é a corrosão do relacionamento. Ele acaba se perdendo em meio às muitas demandas do quotidiano.

CONVIVER COM AMIGOS 

A vida social do casal, vai solidificar o relacionamento. Um casal equilibrado nunca vai se isolar.  Um bom relacionamento não é uma ilha. As saídas para o barzinho, o churrasco em casa, etc… Tudo isso é importante para aliviar o estresse que a rotina diária nos impõe.

Os dois precisam conviver com os palpites dos amigos. As sugestões, jogar conversa fora, só um “happy hour”, e coisas assim…

Enfim, se eu for falar mais sobre o assunto, posso escrever um livro. Mas, num resumo básico, o que cito neste artigo  pode ajudar você a identificar  o que é um relacionamento. Mais ainda, se é bom, saudável ou tóxico. De qualquer forma,  ninguém nasceu sabendo aplicar todas as técnicas de bom relacionamento em grupo ou a dois. Todos podemos aprender e melhorar.

E, neste sentido, eu e minha equipe estamos à disposição para ajudar. Tanto para desenvolver tais técnicas e melhorar seu relacionamento, quanto a ajudar a recuperá-lo, caso esteja precisando. Através do Coaching Personalizado. Lembrando, quando duas pessoas trabalham em equipe num relacionamento a tendência é que ele melhore a cada dia e se torne cada vez mais saudável e equilibrado.

Conte conosco, siga-nos também no nosso canal do YouTube.

Um forte abraço,

Dyuly Cardoso

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe

Compartilhe esse artigo com seus amigos