Diz que me ama, mas não volta

“Já fiz o contato zero, já estamos nos entendendo bem há algum tempo, já até diz que me ama, mas não volta, por que?” Essa dúvida cruel assombra a mente de muitos que buscam uma reconquista.

Os sinais parecem claros, as conversas parecem indicar isso, há muita cumplicidade até em assuntos profissionais, pede favores, rola um sexo legal, mas quando é para falar em assumir o relacionamento em definitivo – nada!

Bem, na verdade é preciso avaliar a questão de uma maneira mais profunda. Vamos lá?

https://youtu.be/HZu-YNSpGmo

Diz que me ama, são só palavras?

Indo direto ao ponto, apenas as palavras bonitas não bastam. “Ela diz que me ama, que temos uma boa “química”, mas não passa disso!” E, em parte a resposta está dada. Pode ser só isso. Sexo.

Acontece de muitas vezes o ex ou a ex estar apenas querendo curtir algo que já conhece, não quer correr riscos. De repente, sabe que o parceiro está apaixonado (a) e é só questão de “estalar” os dedos. Daí, faz esse jogo de palavras bonitas e sedutoras, mas sem nenhum conteúdo prático, sério.

Eu sempre reforço que, quando alguém quer algo sério, de verdade, a conversa recorrente indica isso. E, a conversa de quem quer um relacionamento duradouro é baseada em planos de futuro. Planos em comum. E, não somente isso, mas as ATITUDES são correspondentes.

Mais que palavras, são necessárias atitudes, ações que comprovam um real interesse duradouro. Como o ditado: “Quem quer, dá um jeito, quer não quer, dá desculpas”. Portanto, não confiar em palavras de amor vazias é o primeiro passo para uma real reconquista.

O que fazer quando o ex diz que me ama, mas não volta?

Diz que me ama, mas quer ver mais desenvolvimento

Aqui, a situação já muda. Todo término de relacionamento teve os motivos que causaram aquela ruptura. Uns mais graves, determinantes, outros nem tanto. Com o passar do tempo, durante uma reconquista, as evidências vão mostrando quanto os dois mudaram na direção de um NOVO relacionamento mais saudável.

Acontece de um dos parceiros ainda não perceber essas mudanças de maneira clara, definitiva. Ainda ter medo de os mesmos problemas voltarem em um novo relacionamento após a reconquista. Esse é um motivo importante a ser levado em conta.

Se isso acontece, não é difícil perceber. Cada casal sabe dos reais motivos de uma ruptura. E sabe do que precisa fazer para deixar claro, patente para o outro suas mudanças. Sabe que precisa dar a segurança necessária para um novo investimento nesse relacionamento.

Portanto, se ele (a) diz que te ama, e ainda assim não assume algo sério, pergunte-se:

Espera, honestamente, mais mudanças que ainda não fiz?

Acabaram, realmente, os motivos que levaram ao fim de nosso relacionamento?

As respostas podem levar agora a outra conclusão.

Diz que me ama, mas usa meu desenvolvimento para ganhar tempo

“Ele diz que me ama, mas eu preciso mudar mais” Há casos em que o parceiro (a) usa essa “desculpa” para ir levando o relacionamento. Ele (a) sabe que o outro está em suas mãos. Então, não se sente pressionado a tomar nenhuma decisão. Está acomodado.

O que fazer então? Bem, quando esse é o caso, a outra pessoa acaba percebendo com o tempo. Entende a atitude acomodada do parceiro. É uma atitude muito desagradável. E, muitas vezes é provocada por causa do excesso de disponibilidade ou franqueza do outro.

Algumas pessoas numa reconquista deixam muito claro suas intenções. Mais ainda, falam de seus sentimentos de uma maneira tal que deixam o outro muito seguro. Daí, não haverá nenhum senso de urgência nem o medo de perder.

Esse excesso de segurança pode levar o (a) parceiro (a) a ficar acomodado. O que fazer? Vire o jogo! Comece a conhecer novas pessoas, sair com outros amigos e amigas e deixar implícito que ele (a) não é indispensável.

Geralmente, basta isso para ajudar o ex a tomar uma atitude. Ou para perceber que ele (a) estava apenas querendo um relacionamento mais seguro, porém, sem um compromisso sério. A decisão agora é pessoal. Se aceita isso ou parte para algo sério com alguém promissor.

Concluindo: “diz que me ama, mas não volta”, não caia nessa! Aprenda a analisar os reais motivos e provocar as mudanças ou provocar uma decisão. Não permita que o (a) parceiro (a) use isso para ficar “em cima do muro”.

Conte conosco

Diz que me ama, mas não volta” – está acontecendo isso com você também? Precisa de ajuda?

Você sabe o que fazer para atingir seu objetivo de reconquista da pessoa amada, ou de seu desenvolvimento pessoal?

Muitas pessoas leem inúmeros artigos, posts, livros etc. E tentam muitas “fórmulas milagrosas”. Ainda assim, nem todas atingem os objetivos propostos. Daí a necessidade de ajuda especializada, perita.

Com tal objetivo em mente (e se preparando para tanto), toda a equipe de reconquiste o amor foi treinada e após inúmeros clientes já atendidos e satisfeitos, nestes mais de dez anos, está apta para dar o melhor suporte possível para você.

Além do mais, fornecemos diariamente informações GRATUITAS muito úteis em nosso Canal no Youtube através de vídeos, bem como em nosso site reconquisteoamor.com, assim como através de artigos práticos e direcionados para inúmeras situações ligadas ao tema.

Nosso coaching personalizado tem feito a diferença!

A ferramenta mais usada e mais eficaz utilizada por nossa equipe de ajuda e acompanhamento é o coaching personalizado.  Realmente, faz a diferença! É um acompanhamento discreto, sincero, individualizado, tratando cada caso como único. Atuamos há mais de dez anos, em vários países, ajudando milhares de pessoas a atingirem seus objetivos.

E mais, aplicamos metodologia e estratégias comprovadamente eficazes! Concluindo, como eu costumo dizer em meus vídeos a nossos milhares de seguidores ao redor do mundo: “você não precisa travar essa batalha sozinho(a)”.

Conte conosco, com nossa ajuda, você poderá ser bem-sucedido em sua reconquista ou melhorar sua autoestima e seu desenvolvimento pessoal, descobrindo que pode se tornar a sua melhor versão!

Obrigada, um beijo e desde já te convido a continuar ligado(a) em todos os nossos canais de suporte!

Seja VIP

Junte-se a mais de 418.219 pessoas.

Mais conteúdo

Na imagem: Mulher branca de cabelo curto e loiro e blusa branca usando correntes se encara no espelho. Técnica do Espelho.
Artigos

Técnica do Espelho: Como e quando usar?

Se você nos segue há algum tempo você já ouviu falar dessa técnica, essa técnica é baseado em exercício de neurociência. Serve para entender o

Gostou do conteúdo? Compartilhe com alguém

Compartilhe com facebook
Compartilhe com whatsapp
Compartilhe com telegram
Compartilhe com pinterest