Há três erros fatais em uma carta manuscrita que devem ser evitados, a fim de que você possa alcançar o objetivo que você tem ao enviá-la: (re)criar o diálogo e a cumplicidade com o seu ex.

Após o Contato Zero, o Deixar Ir ou o Afastamento Temporário, o passo seguinte é enviar a Carta Manuscrita. Mas, eu preciso lembrar que esse passo não é dado automaticamente. Alguns critérios precisam ser obedecidos.

Tenho percebido uma certa precipitação de alguns, o que os leva a se perguntarem se a Carta Manuscrita vai surtir o efeito desejado.

Que erros evitar para que ela não comprometa todo o processo de reconquista?

Listei os três erros mais relevantes e o que fazer para evitá-los.

Vem comigo!

Primeiro erro: o conteúdo

O primeiro e mais decisivo dos erros fatais em uma carta manuscrita é o que você escreve na carta.

O conteúdo da carta deve ser estratégico (racional, visando um objetivo específico) para a continuação do processo de reconquista.

Portanto, ela não pode ser um “pedido para voltar”, uma carta cheia de declarações sentimentais ou uma coletânea de todos os erros do passado que levaram ao rompimento.

Muito pelo contrário, o objetivo dessa carta é restabelecer a comunicação entre vocês e, demonstrar, brevemente, seu crescimento pessoal. Deixando seu ex curioso(a) quanto ao que mais pode surpreendê-lo(a) nos próximos contatos.

Quando a pessoa escreve uma carta cheia de conteúdo sentimental ou vai diretamente falando em reconciliação, a reação natural do ex é de se afastar, ficar com “um pé atrás”. Afinal, talvez não tenha tido tempo de acompanhar todo seu desenvolvimento e não tenha uma visão da nova pessoa em que você se transformou (falo sobre isso em “provas sociais”, outros vídeos).

Também, ele(a) pode estar vivendo um outro relacionamento.  Uma abordagem tão direta, abrupta, pode ser muito prejudicial e inconveniente.

Segundo erro: desequilíbrio emocional

Durante o Contato Zero, uma das grandes vantagens observadas é a conquista do autocontrole, domínio emocional e equilíbrio quanto às expectativas da reconquista.

Quando o coachiado atinge essa meta, ele(a) está pronto para dar o passo adicional de escrever a Carta Manuscrita.

E, é aí que acontece o segundo dos erros fatais em uma carta manuscrita. Uma pessoa que ainda não está preparada emocionalmente, não pôde dar as provas sociais de seu desenvolvimento ao seu ex. Ele não enxerga essa nova pessoa. Ele(a) ainda vê a mesma pessoa de quem se separou: com os mesmos hábitos, erros e manias do passado.

Já aconteceu de o coachiado(a) ainda estar em dependência afetiva, muito deprimido, instável emocionalmente. Ao se precipitar e escrever a Carta Manuscrita vai, fatalmente, estragar uma ferramenta muito útil, quando usada na hora certa.

De fato, uma carta nesse estágio, só vai sedimentar na cabeça do ex a decisão de se afastar ainda mais.

Não obstante ao desejo natural de voltar a se relacionar com seu ex, o momento ideal para reativar essa comunicação é quando você percebe que está bem emocionalmente. Está feliz, equilibrado(a). E preparado para aceitar uma resposta negativa (evidentemente, o que pode acontecer).

Terceiro erro: carta muito longa

Eu já falei: não é para escrever uma bíblia.

O terceiro e último dos erros fatais em uma carta manuscrita é frequente e relevante.

Já tive acesso a cartas extremamente longas, fazendo um apanhado quase que item por item dos erros cometidos no passado e que levaram ao rompimento.

Ou falando demais sobre a nova pessoa em que se transformou. Falando de novos cursos, novas leituras, viagens, etc.

Como eu já disse, o objetivo dessa carta é restabelecer a comunicação e deixar o ex mais curioso quanto à sua evolução. A “nova pessoa” que vai despertar seu interesse dali para frente. Ele precisa ter vontade de avançar e satisfazer sua curiosidade.

Portanto, serão nos dias seguintes e nos encontros pessoais que você vai ratificar, solidificar toda a expectativa que ele teve ao ler a carta. E, pouco a pouco ele(a) vai sentindo mais admiração por essa nova e atraente personalidade.

Dessa forma, não “entregue tudo” numa carta longa e cansativa. Se agir assim, não irá atingir o objetivo desejado. Ao escrever sua Carta Manuscrita, não cometa esses erros fatais!

A Carta Manuscrita é um instrumento extremamente útil. Nós insistimos nessa estratégia por causa dos resultados já obtidos. Mas, não deve ser utilizada de qualquer forma. Em nosso acompanhamento diário, através do coaching, indicamos o momento ideal para ela, quando todas as etapas foram cumpridas e não há risco de desperdiçarmos essa ferramenta.

Quer reconquistar o seu amor?

Conte conosco

Toda informação especializada nesse campo é importante para sua estratégia de reconquista ou de desenvolvimento pessoal. Porém, nem sempre é possível atingir esses objetivos sozinho(a). Às vezes, durante o percurso a pessoa pode se perder ou questionar se está mesmo adotando a melhor estratégia.

Sendo assim, um acompanhamento perito pode ajudar a traçar os melhores rumos ou redirecionar os esforços, sempre que necessário, em busca dos melhores resultados.

Entretanto, quero lembrar que SEMPRE que precisar de ajuda, pode contar conosco. Eu e minha equipe estaremos sempre à disposição para te ajudar em seu desenvolvimento pessoal ou em sua reconquista. Fornecemos diariamente informações GRATUITAS muito úteis em nosso Canal no Youtube através de vídeos, bem como em nosso site reconquisteoamor.com, ou através de artigos práticos e direcionados para inúmeras situações ligadas ao tema.

Recupere seu ex clique aqui

Nosso coaching personalizado está à disposição

Além de tudo isso, se precisar de ajuda personalizada, pode contar com nosso coaching personalizado. Você terá acompanhamento individualizado, com total discrição e todo o profissionalismo de nossa equipe. Já estamos há mais de 10 anos ajudando pessoas em seu desenvolvimento pessoal e reconquista.

Concluindo, gosto de lembrar sempre a nossos seguidores: “você não precisa travar essa batalha sozinho”. Os desafios podem ser enormes, mas juntos podemos alcançar os objetivos desejados. Com nossa ajuda, você poderá ser bem-sucedido(a) em sua reconquista ou melhorar sua autoestima e seu desenvolvimento pessoal, descobrindo que pode produzir a sua melhor versão!

Obrigada e um forte abraço!