Você precisa de PRESSA para RECONQUISTAR?

Na imagem: três ampulhetas para representar a passagem do tempo, será que reconquistar demora ou você tem pressa demais?

Esse artigo é para você que tem pressa para reconquistar, porque acha que vai ser esquecido da noite pro dia, e acha que precisa reconquistar urgente. É errado ter pressa? Não, mas como tudo na vida, pode atrapalhar muita coisa.

“Quanto tempo demora uma reconquista?” é uma das perguntas que eu mais escuto de quem tem dúvidas sobre o processo. Mas como responder esse tipo de coisa, a reconquista depende do processo de desenvolvimento pessoal e cada pessoa tem seu próprio ritmo para chegar a sua melhor versão. Por isso, já casos e casos durante todos esses anos, de pessoas que reconquistaram em meses e de quem demorou um ano ou mais para reconquistar.

A pressa para reconquistar é compreensível, depois de sofrer o que as pessoas mais querem é voltar para os braços de quem você ama. Mas como bem sabemos, esse processo é feito por etapas, e como eu sempre chamo a atenção de vocês nos vídeos, pular cada etapa dessa aumenta o risco de arruinar tudo.

A reconquista demora? Depende.

Por isso a minha resposta para essa pergunta é sempre a mesma: Depende. O que está sendo feito para você avançar mais rápido nesse processo. Depende também, do tempo de relacionamento que vocês tiveram, se já houve outros términos antes, quais erros você cometeu até aqui.

E quanto mais você procrastina as etapas necessárias para sua reconquista avançar de verdade, mais tempo leva para conseguir o que quer. Por exemplo, muitas pessoas começam a fazer o Contato Zero, mas nem todas enviam a Carta Manuscrita para encerrar esse período e começar a retomada de contato. Outros nem se atentam aos critérios da carta, e enviam por mensagem no Whatsapp e até SMS. Independente dos motivos que essas pessoas apresentam para não enviar a Carta, as consequências geralmente são as mesmas, ou acaba ficando preso no CZ, ou pulam para a retomada de contato com um monte de assunto mal resolvido, o que vai resultar em mais conflitos.

Todas essas decisões acarretam em consequências que podem atrasar sua reconquista. Tem gente que comete um erro muito grave, pecar pela perfeição. Nunca se consideram prontos para sair do Contato Zero, porque ainda não se consideram perfeitos. Mas não é sobre ser perfeito, é sobre conseguir superar as próprias imperfeições.

Ter pressa para reconquistar vai ajudar?

O que se deve ter em mente sobre a reconquista, é que a quantidade de esforço para reconquistar é quase a mesma para conquistar da primeira vez. Quando você conheceu aquela pessoa e quis se fazer interessante para ela, houve esforço para ser mais atraente, mais engraçado ou algo do tipo.

Mas quando você entra no processo de reconquista, você está com medo, magoado, ansioso, está passando pelo luto do relacionamento e por isso, o nível de esforço é mais baixo. O que acaba gerando falta de autoconfiança, que impede você de seguir em frente. Quanto mais falta de autoconfiança, mais erros e mais demora.

Então se você quer apressar o seu processo de reconquista, comece a fazer as análises necessárias sobre o que deve ser feito. Quanto mais tempo de relacionamento vocês tiveram, mais coisa você vai ter que analisar. Ter paciência no processo de reconquista não quer dizer que você vai esperar seu ex por 1 ano, e sim que você vai se dedicar para passar por cada etapa da melhor maneira possível.

Justamente porque o processo de reconquista, não é só sobre o outro, nem somente sobre você. Exige respeitar o seu tempo, respeitar o tempo e os sentimentos do outro. É como tentar desatolar um carro, quanto mais afoito você pisar no acelerador, mais o carro vai afundar. É melhor sair, olhar a situação, conferir se vai precisar colocar madeira, ou alguém empurrar. Ou seja, você tem que avaliar as opções e escolher a melhor alternativa para seu caso.

É melhor planejar do que ter pressa

Então ao invés de ficar desesperado para reconquistar na velocidade da luz, foque em planejar, se antecipar aos movimentos do outro. Após esse tempo todo de relacionamento e separado, o que você sabe sobre o comportamento do seu ex? Se baseie nisso.

Sem ter firmeza do seu plano você acaba se perdendo, o que atrapalha toda sua evolução. Por causa da pressa, você acaba esquecendo de si mesmo, até você desistir e jogar suas chances no lixo. A pressa para reconquistar é sabotadora, às vezes por medo de ser trocado pelo rebote, ou porque seu ex está se mudando, entre outras razões.

Essa pressa motivada pelo medo e pela insegurança vai acabar com sua reconquista, vai te desgastar sem conseguir nada em retorno. Já com planejamento, você pode ir muito mais além do que imagina.

Porque você sabe o que precisa ser feito, sabe o custo mas também sabe a consequência da sua ação. Sendo assim, é mais rápido e mais “fácil” passar pela reconquista.

Reconquistar é difícil, mas…

Você não precisa passar por tudo isso sozinho. Nossa equipe dispões de técnicas que já ajudaram mais duas mil pessoas ao longo de mais de 10 anos de caminhada. Nosso time conta com terapeuta e psicóloga, além de formações e ebooks para te ajudar a reconquistar o amor da sua vida.

A formação RAP – Reconquiste o Amor Próprio tem o propósito de te ajudar a recuperar a sua autoestima e o seu amor pela vida para te ajudar a reconquistar. Para essa

No Reconquista Rápida 2.0 você tem acesso a todo o material de autocoaching, com nossos conselhos para cada etapa da reconquista.

E por fim, o Método Felizes Para Sempre é para quem quer viver um relacionamento feliz, independente de reconquistar ou não, abordamos tudo sobre um relacionamento para te ajudar a tornar esse relacionamento feliz, saudável e sólido.

Dyuly Cardoso

Coach Especialista em Reconquista Amorosa e Desenvolvimento Pessoal

Seja VIP

Junte-se a mais de 418.219 pessoas.

Mais conteúdo

Na imagem: Mulher branca de cabelo curto e loiro e blusa branca usando correntes se encara no espelho. Técnica do Espelho.
Artigos

Técnica do Espelho: Como e quando usar?

Se você nos segue há algum tempo você já ouviu falar dessa técnica, essa técnica é baseado em exercício de neurociência. Serve para entender o

Gostou do conteúdo? Compartilhe com alguém

Compartilhe com facebook
Compartilhe com whatsapp
Compartilhe com telegram
Compartilhe com pinterest